Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, Visconde de Mauá, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, Spanish, Livros, Informática e Internet
ICQ - 7335973



Histórico


Outros sites
 Linked In
 Facebook
 Twitter
 Tudojunto


 
UNDER PRESS


Lucro e amizade

Soube pela imprensa que fui demitido em nome da lucratividade, e não por uma crise financeira da empresa.

 

Faz todo sentido, já que sempre trabalhei pelo lucro, tanto como empregado como patrão. A diferença é que batalho pelo lucro social antes do financeiro. Nas três empresas que tive, os funcionários estavam por dentro de tudo, sabiam qual era o faturamento e qual era sua participação nesse número. E em todos os meses, o salário de cada um deles foi maior que o meu. Afinal, eles trabalhavam mais que eu.

 

Como empregado, a gente é obrigado a seguir as regras da casa, e nunca pude distribuir dividendos para minhas equipes, mas sempre tentei dividir conhecimentos e oferecer oportunidades de evolução pessoal.

 

Parece que tem dado certo. Nos últimos dias, tenho recebido uma quantidade absurda de agradecimentos por email, SMS e comentários no Face. Já desconfiava que as pessoas gostavam de mim, só não imaginava o quanto :)

 

Também não sou chegado em marketing pessoal e exibição, mas fiquei tocado por essas mensagens e tive vontade de fazer este momento selfie.

 

Desculpem a violação de privacidade - quero compartilhar alguns trechos dos comentários de quem conviveu comigo em parte desses 17 anos ininterruptos de UOL.

 

Não há lucro que supere coisas como essas:

 

"Fiz um retrospecto do que produzi durante meu dia - posts, e-mails, textos - e consigo enxergar o quanto tem dos seus ensinamentos em tudo. Enquanto o mundo me ensinou a lei do "na dúvida, não faça", você me imprimiu o "mande bala". "

 

"Sem você como chefe, eu seria uma pessoa mais medrosa e ansiosa e jamais pensaria que eu posso, sim, ultrapassar o quadrado"

 

"Além de atestar minha total impotência diante da sua ausência, aproveito para dizer nesse e-mail que foi um prazer imenso trabalhar com vc. Por várias vezes e com várias pessoas, falei e ouvi sobre como vc era uma das pessoas mais humanas e queridas de todo o UOL. Vi de perto incontáveis situações em que tive/tivemos orgulho de ter vc conosco. Tenha a certeza de que o admiramos muito e que o seu espaço lá será insubstituível."

 

"Comecei a te escrever um e-mail, mas não consegui e parei. Ainda vou escrever, mas quando essa tristeza deixar. Você não faz ideia da falta que faz..."

 

"Muito obrigada, mesmo! Pela paciência, por acreditar em mim... tudo!"

 

"Q coisa!! Os inteligentes saem e os "medianos" ficam?!?"

 

"E o jornalismo só afunda"

 

"Chocada. Mas vc é um grande mestre. Dar volta por cima fica pequeno pra vc"

 

"Obrigada pelas oportunidades que me deu e pelo aprendizado!"

 

"Você merece toda a sorte do mundo, mas acho que não vai precisar disto, pois tem competência de sobra para abrir mão dela."

 

"E que escola você é. Chocada aqui. Se souber de algo, te mando. Muito obrigada!" 

 

"Fiquei inconformado com a notícia... Muito chateado mesmo, mas estou aqui para qlq coisa, por menor que seja. Obrigado pela experiência que dividiu comigo, as alegrias que compartilhamos no BOL e nosso esforço em equipe."

 

"Vem pra Lisboa revolucionar o jornalismo português! O jornalismo precisa de você em qualquer lugar do mundo!"

 

"o que importa é que você tem talento, energia e graça e poderá escolher uma boa nova experiência, tenho certeza"

 

"vi seu post e fiquei muito triste. Sei que vc logo vai estar numa muito melhor, mas a situação é injusta"

 

"é sempre chocante ver alguém com uma história assim ser descartado."

 

"quero agradecer pelo companheirismo e bom humor. Isso faz uma falta do cacete"

 

"Eu podia me lamentar aqui, afinal estamos bem abalados. Mas eu só queria dizer que você é um cara pra lá de oxigenado e, portanto, ainda vai conquistar e realizar muita coisa bacana nessa vida louca vida!"

 

"O que houve? Saiu do BOL? Pode ser que eu tenha uma vaga aqui..."

 

"No hay patada en el culo que no te empuje para adelante"

 

"nem sei direito o que escrever, tô mto chocada, mas queria que vc soubesse que eu vou sentir saudade e que eu espero que apareça uma oportunidade mto legal logo! Obrigada por td!!!"

 

"Sentirei saudades de você, das conversas do almoço, das piadas, dos insights tecnológicos e de muitas outras coisas. Gostaria de agradecer o carinho que vc sempre teve comigo"

 

"chorando rios de tristeza. boa sorte, morenão"

 



Escrito por  Roberto Moreno às 10h25
[] []






What?

*your facebook account is owned*



Escrito por  Roberto Moreno às 20h40
[] []







[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]